Chuva intensa também atinge Porta do Sol

Quem se informa, evita apuros e acidentes, principalmente quando se trata de chuvas em excesso nessa época do ano. Apesar de não registrar problemas de alagamento, o Residencial Porta do Sol identificou um altíssimo nível pluviométrico nessa segunda-feira do dia 10, com números variando entre 95mm, na região do clube, até 135mm na Portaria 1. Um pequeno deslizamento de terra foi registrado na Avenida do Sol.

Lago da Porta do Sol ficou no seu limite máximo

“Números medidos das nove da noite de domingo às nove da manhã da segunda-feira, apenas. Com certeza, no final da tarde, os pluviômetros marcaram um nível mais alto”, explica Paulo Henrique da Silva, gerente de Planejamento da Apaps, “pois choveu direto pelo menos até às 16h”.

A administração da Porta do Sol ficou em alerta com relação ao volume das chuvas nessa segunda-feira devido ao caos ocorrido na cidade de São Paulo e região. O Inmet (Instituto Nacional de Metereologia) relatou ser a maior chuva em fevereiro, na região de São Paulo, desde 1983.  Foram 208mm, o equivalente a 96% da previsão para todo o mês.

Por Marília Prétola

COMENTÁRIOS